Cadastre seu email e receba este eBook gratuitamente.
quero receber

Toda criança precisa de rotina

Pessoas organizadas, frequentemente já passaram por experiência ou mesmo vivência de uma rotina.

A rotina quando bem elaborada, ajuda o ser humano a alcançar seus objetivos e cumprir suas metas com mais facilidade; independente da idade, ela só trará benefícios.
A rotina quando entendida ao pé da letra, significa uma sequência de procedimentos, para realização de costumes habituais; modo como se realiza as atividades do dia-a-dia em seus devidos horários.

Veja agora 4 dúvidas frequentes de pais de primeira viagem sobre este tema:

1. COMO FUNCIONA A ROTINA?

A rotina deve ser elaborada de acordo com cada realidade, nos dias atuais muitos pais tem dificuldade de cumprir uma rotina com seus filhos porque eles também não tem rotina, ou seja, quando solicitamos a um pai de uma criança de 2 anos por exemplo, os horários em que a mesma acorda, toma café, brinca, almoça, assiste TV etc; este pai denota então, dificuldade de colocar essa sequência no papel, justamente porque não havia percebido que não praticava essas ações em horários certos, oscilando os mesmos e não achava que era importante para a realidade dos pequenos – que não serão pequenos para sempre – um dia irão crescer, então conseguirão ver a diferença.

Mas a culpa não é da criança, mas do pai que não consegue acordar todos os dias no mesmo horário, não implantou o hábito de tomar café todo os dias em casa, não acha tempo para brincar com o filho, e assim por diante. Por fim, a rotina é algo milagroso na vida, por isso é tão difícil de ser cumprida.

2. QUANDO INICIAR A ROTINA COM UMA CRIANÇA?

Não tem idade ou período, quanto mais cedo melhor, desde a barriga já é possível uma mãe conversar com seu bebê e logo que ele nasce, já nas mamadas tem que ter rotina, horário certinho para que a criança não chore de fome, isso é possível a partir da observação.

Quando pais entendem isso desde muito cedo, depois quando as atividades da criança forem aumentando ficará mais simples acrescentar alguns horários e/ou mesmo ajusta-los de acordo com as atividades já direcionadas.

3. O QUE FAZER PARA LIDAR COM UMA CRIANÇA QUE NÃO CONHECE A ROTINA?

Primeira coisa: conscientizar os responsáveis dela, que eles também precisam reorganizar seus horários para que a criança entre no mesmo ritmo, pois é impossível cobrar organização, cumprimento de horários e tarefas a uma criança se o adulto não dá exemplo, ou seja: – se ao chegar do trabalho a primeira coisa que você fizer for tirar os sapatos, e caso esses sapatos são limpos e colocados na sapateira a criança vai ver e saberá como fazer com os seus sapatos também, mas se ela ver o adulto chegar e tirar seus sapatos e os deixar jogados cada dia num cômodo da casa, a criança também vai ver e com certeza fará o mesmo.
Existe sempre duas formas de se fazer a mesma coisa, mas de maneira diferente, uma delas vai estar certa e a outra errada.
Por isso é importante policiar nossas ações, antes de cobrar de alguém uma organização, se você não exemplifica isso.

4. QUAIS AS VANTAGENS E OS BENEFÍCIOS QUE UMA ROTINA TRAZ?

A rotina traz todas as vantagens, é tudo de bom, a rotina vai sempre te beneficiar, independente da idade da pessoa que a seguir, ou mesmo sobre a atividade a qual essa rotina for estipulada.

Vamos citar um exemplo bem simples: uma criança que é conduzida a uma rotina desde bebê, já vai crescer entendendo sobre limite, porque vai saber que terá horário para acordar, comer, dormir, mesmo com a fase da birra que é de costume as crianças passarem a partir de 1 aninho de idade até os 5 anos; pois essa criança cederá com mais facilidade, ao invés do adulto ter que ceder.

Outro ponto significante da criança com rotina é que ela vai se comportar de maneira mais tranquila, frequentemente as crianças agitadas que não são portadoras de nenhum distúrbio como TDAH, por exemplo, são crianças que não sabem o que é rotina.

Crianças que tem rotina, são menos resistentes a ordens, não falam gritando, nem são muito teimosas, se seu filho está contrariando essas três colocações, certamente ele está precisando conhecer e cumprir uma boa rotina.

Profissionais de psicologia, psicopedagogia, terapia ocupacional são especialistas em orientação e ajustes de rotinas.
Fica a dica!

Autora (Angela Maria de Sousa Vilhena)

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *