Cadastre seu email e receba este eBook gratuitamente.
quero receber

É comum meu filho contrair gripes e resfriados com frequência, na creche?

É comum sim.

As viroses como são chamadas, passam a fazer parte do dia-a-dia das cfebrerianças, toda vez que elas começam a frequentar uma escolinha; prepare-se para ver o narizinho do seu filho escorrer diariamente.

Devido à exposição de agentes virais, a criança adoece com facilidade, isso ocorre nos três primeiros anos de vida da criança, principalmente no outono/inverno.  Depois ela vai adquirindo imunidade.

Nos dias atuais, onde as mamães estão cada vez mais independentes, ocupando mais e mais cargos como profissionais, a ida dos bebês para as creches tem acontecido mais cedo, a partir dos 4 meses de idade, inevitavelmente. E saiba, quanto mais cedo, menos sofrimento para os pequenos.

Conheça algumas vantagens bem animadoras, quando a creche é uma necessidade:

– a autonomia vem mais cedo;

– a criança cria anticorpus e tende a adaptar-se com o novo ambiente, vencendo as viroses;

– a linguagem desenvolve mais rápido;

– o desfralde acontece naturalmente e é bem mais rápido;

– a psicomotricidade é estimulada diariamente;

– a criança aprende a comer de tudo e a comer melhor;

– a criança adquire hábitos saudáveis por causa da rotina;

– a criança aprende a dividir o brinquedo e demais coisas, deixando o egocentrismo com maior facilidade;

– a disciplina é entendida desde muito cedo;

– a criança desenvolve uma melhor socialização.

Há duas conclusões importantes a se chegar, uma delas é que seu filho ficará seguro e bem cuidado durante todo o período que permanecer na creche, e estará sob responsabilidade de pessoas treinadas e capacitadas para este cuidado. A outra conclusão é que os riscos de acidentes são bem menores do que quando a criança fica em casa, podendo ser esquecida ou despercebida pela babá em situações de perigo.

Porém, é claro que se o pediatra interpretar que a frequência de resfriados e gripes estão acima do aceitável, este profissional irá determinar o que pode ser feito.

Na maioria das vezes, o pedido de suspensão de uma criança na creche é feita pelos médicos quando a mesma possui um sério quadro alérgico ou quando apresenta alguma doença contagiosa ou sofreu ainda uma epidemia como sarampo, catapora etc.

Fonte: texto retirado do livro Manual da Criança, autora: Angela Maria de Sousa Vilhena (todos os direitos reservados)

Enviar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *